quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Unidade de Saúde da Família em Salvador, amanhece sem médicos, enfermeiros e gerente,ninguém



E ele só metendo dança todos os dias

Unidade de Saúde da Família no Subúrbio, amanhece sem médicos, enfermeiros e gerente,ninguém
Do
Subúrbionews



Segundo informações dos moradores os pacientes que se deslocaram até a Unidade de Saúde da Família do Congo, nesta quinta-feira (23), bateram com a porta literalmente na cara. A unidade se encontra sem médicos, sem enfermeiros e sem gerente.
Ainda segundo uma paciente ela não pode ter sido atendida porque a gerente levou a chave do almoxarifado para casa. ” Existem alguns funcionários na Unidade, mas não estão realizando atendimento”.

“O metrô faz toda a diferença numa cidade turística”, diz Rui Costa





Em visita às obras do trecho entre as estações Rodoviária e Pituaçu do metrô de Salvador, nesta quinta-feira (23), o governador Rui Costa destacou a importância do modal para a cidade. “Com a chegada e a expansão do metrô, Salvador está se transformando numa capital mais moderna. Isso é importantíssimo para uma cidade que tem grande potencial turístico. O metrô faz toda a diferença”.



O trecho que compreende as estações Pernambués, Imbuí, CAB e Pituaçu, com embarque e desembarque, será inaugurado até maio. “É uma coisa rara no nosso país uma obra desse tamanho, dentro do orçamento e dentro do prazo”, afirmou o governador. 
O uso combinado das linhas 1 e 2 já é possível para fazer os trajetos Lapa/Rodoviária ou Pirajá/Rodoviária em menos de 15 minutos, sem cobrança adicional ou passagem por bloqueios. A estima para o trajeto Pirajá/Pituaçu é de 22 minutos.
A Estação Pituaçu é a maior da Linha 2 e contará com um Terminal de Ônibus integrado, que já está em construção. Com cerca de 7 mil colaboradores, as obras avançam rapidamente e nos próximos meses será concluída a via de trilhos no trecho que segue até Mussurunga, incluindo as estações Flamboyant, Tamburugy e Bairro da Paz, todas em fase de acabamento. Na Estação Aeroporto, a montagem da estrutura pré-moldada deve terminar em 40 dias, dando início à montagem das plataformas e a consolidação da laje do mezanino.

SSP divulga lista de objetos proibidos nos circuitos do Carnaval 'pau de selfie' esta proibido



Ao reunir um grupo de amigos, as fotografias tornam-se essenciais para recordação, mas nem sempre é possível fazê-las sem cortar alguém da imagem. Para solucionar o problema, muitos recorrem ao famoso 'pau de selfie'. No entanto, o uso do bastão está proibido pela Secretaria da Segurança Pública (SSP) nos circuitos do Carnaval 2017. O acessório fotográfico está numa lista de objetos proibidos de circular nos circuitos da folia e nos carnavais de bairros.
Isso porque, de acordo com o coordenador de Planejamento para Grandes Eventos da Polícia Militar, major PM Marcelo Souto, o 'pau de selfie' tem potencial ofensivo. “Existem objetos que podem provocar algum tipo de dano físico no próprio folião ou em outras pessoas, mesmo que não sejam necessariamente levados aos circuitos para prática delituosa”, lembra.
Garrafas e recipientes de vidro em geral também podem ser transformados em armas perigosas e estão proibidos. Também não poderão ter acesso à área da festa objetos com potencial perfurocortante, a exemplo de facas, tesouras, lâminas de barbear, espadas e canivetes. 


O uso de armas de fogo é limitado às forças de segurança. Peças que compõem uma arma ou a ela se assemelham, como réplicas, simulacros, armas de brinquedo, de emissão de luz ou centelha, pneumáticas e pistolas de ar, e qualquer tipo de munição ou pólvora também estão vetadas.

Confira abaixo a lista completa de itens banidos da folia:
- Fogos de artifício ou pirotécnicos
- Armas de fogo ou semelhantes (incluindo armas de brinquedo ou simulacros)
- Munição ou pólvora
- Drogas ilícitas (maconha, crack, cocaína e outras)
- Produtos químicos e venenos
- Brocas, serras, arpões, flechas, machados, facas de cozinha, chaves de fenda, agulhas, martelos, alicates ou qualquer outro objeto perfurocortante.
- Remos, tacos, bastões e equipamentos similares (incluindo o pau de selfie)
- Objetos de vidros (garrafas, taças e demais)

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Enquanto ACM Neto(DEM),metia dança na Barra,e a Tia Eron(PRB) passeia por Brasilia: arnaval de Salvador pode ficar sem a atuação do Conselho Tutelar.



Ha pouco dias do início oficial da folia momesca, os Conselheiros Tutelares da Capital Baiana, reuniram-se nesta terça (21), pela manhã, em Assembleia Geral para decidirem a participação da categoria durante os dias de festas. A Assembleia ocorreu na Casa do Trabalhador, em Periperi, Subúrbio Ferroviário de Salvador.


O motivo seria por conta do impasse do pagamento das gratificações do Carnaval por parte da Semps, aos 90 Conselheiros Tutelares, que irão atuar durante o período da folia.
A Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate a Pobreza, (Semps), enviou um representante a Assembleia, para informar que não existe amparo legal na lei, para realizar o pagamento, mas que a Secretaria licenciada do cargo Tia Eron, se comprometeu em resolver a questão no prazo de quarenta dias, com o envio de um projeto de lei a Câmara Municipal, equiparando os conselheiros a servidor público.


Parte da categoria é contra a proposta da Semps, e diz que não vão trabalhar fiado para a Prefeitura, sem ao menos saber o valor da diária e quando vão receber. Conselheiros alegam ainda que o pagamento das gratificações, sempre foi feito pela Prefeitura em anos anteriores por meio de TAC’s, com a participação do Ministério Público do Trabalho, Procuradoria Geral do Município e o Ministério Público.
Ano passado o Conselho Tutelar, atuou nos circuitos oficiais da folia e nos Carnavais de bairro, combatendo o trabalho infantil, a exploração sexual, além de realizar ações preventivas e acolhimento de crianças e adolescentes nos centros de convivências.

Novos delegados e escrivães para Polícia Civil são convocados


O Governador Rui Costa anunciou, por meio de suas redes sociais, a nomeação de 14 novos delegados e 15 escrivães na Polícia Civil baiana, aprovados no concurso Saeb/PC número 001/2013. Com esta convocação, o total de nomeados deste certame chegará a 676, ultrapassando o número de vagas previsto originalmente no Edital (600). O impacto econômico total na folha de pagamento do Estado será de R$ 54 milhões anuais. 
O Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (22) publica a relação dos candidatos convocados, os locais e horários em que devem se apresentar, além da relação dos documentos exigidos. Confira aqui o Edital de Convocação na íntegra. 
O concurso para a Polícia Civil do Estado foi iniciado em 2013, mas sofreu atrasos por causa de recursos judiciais impetrados por candidatos. Depois de passar por todas as etapas do concurso e pelo curso de formação da Polícia Civil, a nomeação dos aprovados também sofreu retardamento em função de o Estado ter ficado legalmente impedido de nomear novos servidores públicos por ter extrapolado o limite prudencial, determinado pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). 
Nestes casos, quando os gastos com o pagamente de pessoal ultrapassam o limite imposto pela LRF, a legislação só permite que o Estado nomeie novos servidores para as áreas segurança, saúde e educação, em casos de substituição de funcionários por falecimento, aposentadoria, exoneração, demissão e dispensa.
Desde o terceiro quadrimestre de 2015, quando o limite prudencial com gastos de pessoal foi extrapolado, o Estado passou a realizar nomeações conforme surgiam vagas disponíveis, de acordo com uma das hipóteses estabelecidas por lei (falecimento, aposentadoria, exoneração). 
O Governo fez uma consulta à Procuradoria Geral do Estado (PGE) e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) no intuito de saber qual o período da vacância devia ser considerado para a nomeação de servidores em substituição, e assim, realizou nomeações de forma gradativa, conforme as vagas surgiam, com base na referência do TCE. 
Os convocados devem comparecer, no dia 6 de março, à sede da Polícia Civil, situada na Praça 13 de maio, no bairro da Piedade. Delegados devem se apresentar no turno matutino (8h30 às 12h) e escrivães no vespertino (14h às18h). Na oportunidade precisam apresentar documentação exigida no Edital de Convocação.

Defensoria e do Conselho Tutelar garante acesso de crianças a Centro Municipal de Educação Infantil em Pernambués.


Após diversas tratativas com a Secretaria de Educação de Salvador e a ausência de respostas positivas a Defensoria Pública do Estado da Bahia - DPE/BA, mediante atuação extrajudicial e consequente ajuizamento de 84 ações individuais, interpostas na Vara da Infância e Juventude de Salvador, conseguiu a criação de um novo Centro Municipal de Educação Infantil - CMEI, em Pernambués, para atender crianças de 0 a 5 anos. A obra tem previsão de ser finalizada na primeira quinzena de março deste ano.
De acordo com a defensora pública Gisele Aguiar, a demanda foi feita inicialmente pelo Conselho Tutelar do bairro de Pernambués em 2015. A Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente - DEDICA realizou em 2016, um mutirão de atendimentos realizado no bairro, onde se constatou a urgência da demanda. A nova instituição de ensino atenderá aos alunos que tiveram as suas matrículas concedidas por meio das decisões judiciais pleiteadas pela DPE/BA.
Gisele Argolo destacou que a atuação extrajudicial foi estrategicamente significante para o resultado da ação. A prefeitura alegava que não tinha imóvel disponível na região, nem conseguia um para alugar. A DPE/BA juntamente com o Conselho Tutelar do bairro encontrou um imóvel, onde funcionava uma escola, e indicou para a Secretaria de Educação que formalizou o contrato de aluguel.
"Eu vejo duas coisas importantes: primeiro é a importância do acesso à educação infantil, que é uma luta da DEDICA e, segundo foi a nossa atuação extrajudicial, que mesmo com as liminares deferidas, nós continuamos negociando com a Secretaria de Educação, e tivemos que ir atrás até de imóvel para garantir que essas crianças tivessem acesso à educação", afirmou Gisele Argolo.
A defensora pública Laíssa Rocha explicou que as 84 ações individuais foram interpostas estrategicamente, como meio de pressionar a Secretaria de Educação, já que neste caso específico, poderia ter sido interposta uma única ação civil pública com todos os pedidos. "A interposição das ações individuais foi uma estratégia da Defensoria para despertar a atenção do município para o problema de Pernambués, nós entendemos que neste caso, geraria um impacto muito maior junto à Secretaria, do que uma única ação coletiva", disse a defensora pública

Estudantes arrecadam alimentos para trabalhadores abandonado pela empresa na UNEB

A imagem pode conter: atividades ao ar livre


O mundo tão desigual
Tudo é tão desigual
O, o, o, o...
De um lado esse carnaval
De outro a fome total
O, o, o, o...
A letra da musica dos Paralamas do Sucesso,esta muito atual, mas não ser sucesso no carnaval de 2017,na Bahia, e sim uma dura realidade vivida pelos trabalhadores terceirizados que fazem a limpeza da Universidade do Estado da Bahia (UNEB),são dois meses sem recebe salários,vale alimentação e transportes. O que levou estudantes do curso de Administração a realaizar uma campanha de arrecadação de alimentos no campus da universidade em Salvador,localizado no bairro do Cabula.
Segundo informçõe de estudantes a empresa contratada pela UNEB,abandonou os trabalhadores,na intuição sem receberem nada ,o que sensibilizou  os alunos a iniciarem juntos aos demais cursos, uma campanha de arrecadação de alimentos ou dinheiro,para que esses trabalhadores pelo menos passem o carnaval sem fome ate que o problema seja resolvido.Os posto de arecadação são na propria sala de cada turma dos cursos existentes no Campus da UNEB de Salvador.

Enquanto Neto metia dança. Funcionários da prefeitura jogavam lama na praia da Barra.


Enquanto Neto metia dança.
Funcionários da prefeitura jogavam lama na praia da Barra.

O prefeito ACM Neto(DEM), mais uma vez foi visto curtindo o Carnaval em meio ao público. Neto foi visto dançando durante o show do Alavontê no Furdunço, na noite deste domingo (19), na Barra,



Já pela manha(20),internautas gravaram funcionários de uma empresa contratada pela prefeitura lançavam lama de esgoto na praia.

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Ópera no Palácio da Aclamação é lançada com presença de Gilberto Gil





Uma programação anual de ensaios do Núcleo de Ópera da Bahia (Nop) – que irá montar espetáculos gratuitos com temáticas diversas, no Palácio da Aclamação – foi lançada neste sábado (18), durante uma apresentação do Nop, com Gilberto Gil e o Cortejo Afro. O encontro serviu como um ensaio para o show que acontecerá na segunda-feira (20), às 21h, na Praça das Artes, no Pelourinho. A iniciativa faz parte do projeto de dinamização de áreas públicas do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac), que tem como objetivo reutilizar espaços culturais que vinham sendo pouco aproveitados para novas oportunidades de negócios e entretenimento.
O Núcleo de Ópera utilizará o espaço do Palácio da Aclamação e, em contrapartida, vai oferecer apresentações gratuitas à população. Estão previstas três novas óperas em 2017, uma junina, uma infanto-juvenil e uma em homenagem aos terreiros de candomblé. O maestro do Nop, Aldo Brizzi, acredita que a solenidade é um marco histórico para a cultura baiana. “Até hoje, a Bahia, que é um estado com uma riqueza cultural fantástica, não tinha uma casa de ópera. Agora, graças a essa parceria com Ipac, que cedeu esse espaço para ensaios e apresentações, poderemos desenvolver um programa sério de várias obras, com um repertório que foge ao óbvio, baseado numa ideia inovadora de valorização da cultura negra”, explica.
Para o cantor e compositor Gilberto Gil, a iniciativa do Ipac dá suporte para que a cultura baiana seja fortalecida. “É muito importante. É um trabalho de gestão cultural da sociedade, que caminha através de seus governos em parceria com aqueles que têm projetos e iniciativas, como essa de criar um núcleo de ópera na Bahia. O apoio a isso veio através do Governo do Estado. Eu acho fundamental, é uma das formas de continuar caminhando”.

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

MP recomenda que trios elétricos cumpram horários de fila no carnaval

Foto reprodução Google
Os atrasos recorrentes nos desfiles de trios elétricos nos circuitos oficiais do Carnaval de Salvador, que impactam negativamente no trabalho da Polícia Militar, motivaram o Ministério Público estadual a expedir uma recomendação para que trios elétricos independentes cumpram os horários de formação das filas dos desfiles no Carnaval de 2017. A recomendação, assinada pelos promotores de Justiça Isabel Adelaide Moura, Rita Tourinho e Valmiro Macêdo, foi encaminhada ao secretário de Cultura do Estado da Bahia, Jorge Portugal, ao superintendente da Superintendência de Fomento ao Turismo da Bahia (Bahiatursa) e Diogo Rodrigues Medrado. 
Os promotores de Justiça encaminharam também uma recomendação à Empresa Salvador Turismo (Saltur) para que a mesma fiscalize o cumprimento dos horários dos desfiles dos trios independentes que estejam sob sua responsabilidade e tome as medidas necessárias ao verificar atrasos que comprometam a organização da festa e o sistema de segurança adotado pela PM. No documento, os promotores de Justiça orientaram também que as relações dos trios elétricos independentes contratados sejam remetidas à (Saltur), no prazo estabelecido pela empresa. Eles ainda requisitaram, no prazo de cinco dias corridos, cópia das relações dos trios independentes.